Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Mais Atual

Sp. Braga apurado para a Liga Europa

O Sp. Braga apurou-se para a fase de grupos da Liga Europa ao vencer em casa 3-2 o FH Hafnarfjordur.

raulsilva-525x300.jpg

 

 

Uma semana depois de ter vencido na Islândia por 2-1, os minhotos confirmaram o apuramento no Estádio Municipal de Braga, com um bis de Paulinho, aos 39 e 80 minutos, e um tento de Dyego Sousa, aos 90+3, enquanto Bodvarsson, aos 16 e 51, deu vantagem por duas vezes ao FH e chegou a empatar a eliminatória.

Os minhotos beneficiaram do triunfo na primeira mão, na Islândia, por 2-1, mas esta noite na Pedreira tiveram a eliminatória em risco.

Confirmado o apuramento, o Braga amealhou mais 2,6 milhões de euros pela presença na fase de grupos da Liga Europa, montante ao qual acrescem os 235 mil euros garantidos pela presença na terceira pré-eliminatória frente ao AIK Estocolmo (no play-off só recebem os derrotados). Agora, na fase de grupos, cada vitória valerá mais 360 mil euros e o empate 120 mil euros.

Abel Ferreira - Assim vou ficar velho depressa

abelAIK.jpg

 

“Sabia que íamos passar por dificuldades, fui dizendo que não se faziam marinheiros em mares calmos. Este tipo de jogo, em profundidade, jogo direito, sem construção e com bolas paradas, onde estávamos avisados para estas situações. Era preciso entrar à procura do que queríamos e esta equipa gosta disto, de dar emoção, de dar espetáculo. Foi o que lhes disse, que ainda sou um jovem treinador, mas assim vou ficar velho depressa. "O futebol é fantástico, é uma paixão que move muita gente, por isto mesmo. Em teoria, éramos favoritos, mas o adversário, em função da forma como jogo, cria muito perigo. Acima de tudo, tínhamos de ter a coragem, perante o nosso público, de ter bola. Hoje, a nossa alma veio de fora. Sabíamos o que nos esperava. Há que salientar o espírito, a força, a alma que esta equipa tem. Juntos somos mais fortes, a nossa equipa tem uma alma tremenda e chegámos ao fim do jogo com a consciência de que o melhor desta equipa ainda está por vir."

 

 

PUB

SCBraga apurado para a liga Europa

O Braga venceu em grande  (3-2) frente ao FH esta quinta-feira, em Braga, e apuraram-se para a fase de grupos da Liga Europa.

image.png

 A equipa de Abel Ferreira esteve em desvantagem, sofreu, mas conseguiu um lugar na fase de grupos da Liga Europa, depois de vencer (3-2) o FH em casa. Depois da vitória do Braga na Islândia (2-1), foram os islandeses a chegar à vantagem, logo aos 16 minutos, através de Björnsson. Aos 39 minutos, Paulinho estabeleceu a igualdade, depois de uma grande jogada de Stojiljkovic, novidade no onze da equipa portuguesa.

PUB

Abel Ferreira confiante na qualificação do SC Braga para a Liga Europa

O treinador do Braga garante que a sua equipa vai entrar "focada" no jogo de quinta-feira com o Hafnarfjordur, de maneira a cumprir o objetivo proposto: estar na fase de grupos da Liga Europa.

image (2).jpg

 

"Os jogadores sabem da responsabilidade, estão alerta, é um objetivo comum e vamos procurar a vitória nos 90 minutos, contando com o apoio dos nossos adeptos. Vamos passar por dificuldades, mas juntos temos de ultrapassar os obstáculos, sempre fiéis à nossa forma de jogar".

"Sinto a mesma responsabilidade desde que assumimos este objetivo. É objetivo comum, que queremos muito, mas temos de fazer por ele. Temos de ser inteligentes e fiéis a forma de jogar. Há um conhecimento mútuo das equipas e temos de estar alerta. Somos o Braga, sabemos o que queremos e temos de estar alerta, sendo fiéis à forma de jogar. Mas queremos conquistar o primeiro objetivo da época".

"Respeitamos o adversário e temos de enfrentá-lo com a máxima competência e esperamos o apoio forte dos nossos adeptos".

 

Treinador do FH Hafnarfjordur diz que tem "20 por cento" de possibilidades

image (1).jpg

 

O treinador do FH Hafnarfjordur, Heimir Gudjónsson, afirmou esta quarta-feira que a sua equipa tem apenas 20 por cento de hipóteses de vencer o Braga, e seguir para a fase de grupos da Liga Europa.

"A eliminatória está complicada porque perdemos a primeira mão por 2-1 e, nesse sentido, temos poucas possibilidades. Mas vamos fazer o nosso melhor para fazer um bom jogo, mas vai ser difícil perante uma boa equipa como o Braga", disse na conferência de imprensa de antevisão da partida.

O treinador islandês considerou que a sua equipa tem apenas 20 por cento de probabilidade de passar à fase de grupos da Liga Europa, deixando elogios à turma de Abel Ferreira e à partida que fez na primeira mão.

 

PUB

PEV quer oito escalões de IRS e descongelamento de carreira para todos

O PEV propõe que, no Orçamento do Estado para 2018, se regresse aos oito escalões de IRS, defendendo a progressão para todos os funcionários públicos que têm as carreiras congeladas.

image.jpg

 

Em entrevista à agência Lusa a propósito das negociações para o OE2018 entre o Governo e os partidos que o apoiam parlamentarmente, o deputado do PEV (Partido Ecologista "Os Verdes") José Luís Ferreira falou de dois dos temas que prometem estar em cima da mesa: os escalões do IRS e o descongelamento de carreiras na função pública.

"Ao nível da política fiscal, seria importante assegurar uma maior progressividade do IRS. Seria importante que este orçamento pudesse pelo menos colocar os escalões do IRS em oito, tal como estavam antes do PSD/CDS terem estado no Governo, procurando aliviar a carga fiscal em sede de IRS para os rendimentos mais baixos", defendeu.

José Luís Ferreira considerou que não é com os 200 milhões de euros que o Governo tem disponíveis que é possível aliviar a carga fiscal dos baixos rendimentos, mas disse estar "em crer que o Governo irá ponderar porque terá que negociar com os partidos de quem depende e que fazem parte deste apoio parlamentar [PCP,BE e PEV]".

De acordo com o deputado do PEV, caso não seja possível criar os oito escalões, haverá de se "arranjar outras soluções que procurem reforçar essa natureza progressiva do IRS".

"Não vou dizer aqui que se não forem oito escalões, Os Verdes votarão contra o OE2018 porque não é isso que está em causa", assegurou.

Sobre as progressões nas carreiras dos funcionários públicos, José Luís Ferreira deixou explícito que, para o PEV, "o que seria correto era descongelar todas as carreiras que estão atualmente congeladas".

"Não sei qual é o mecanismo, mas todas as carreiras que estão congeladas devem ser objeto de descongelamento porque todos estão a ser penalizados", defendeu.

Para o deputado do partido ecologista, "se de facto há um desempenho anormal, face aos últimos anos, da economia, isso também tem que se refletir ao nível da vida material das pessoas".

"É possível crescer sem castigar as pessoas, é possível crescer devolvendo direitos e rendimentos às pessoas", considerou.

Em junho, o ministro das Finanças, Mário Centeno, disse que o seu gabinete estava "a desenhar uma medida que vai ao encontro de uma necessidade de alívio fiscal" no intervalo de rendimentos do segundo escalão, cujas famílias "têm uma taxa marginal de imposto muito elevada".

Durante o programa de resgate, o então ministro das Finanças, Vítor Gaspar, reduziu o número de escalões do IRS, de oito para cinco, uma alteração que, até agora, o executivo socialista de António Costa não reverteu.

 

PUB

Português ferido com gravidade em despiste perto da Portela do Homem

O condutor da moto despistada ao fim da tarde desta quarta-feira é um jovem português, que seguia de Portugal rumo a Espanha, e tinha acabado de passar pela antiga fronteira da Portela do Homem, encontrando-se a dois quilómetros do lado espanhol quando se deu o acidente.

ng8752541.jpg

 

Com o jovem português seguia uma francesa, também com cerca de 30 anos de idade, que foi retirada de helicóptero pelo Serviço de Emergência 061, enquanto o condutor foi transportado numa ambulância para o Hospital de Ourense, em Espanha.

Um enfermeiro espanhol de Lobios, o primeiro município galego do lado espanhol, ia a caminho do local do acidente quando se despistou, tendo capotado, sofrendo ferimentos ligeiros e recebendo os primeiros socorros de uma equipa de militares da 4ª Companhia (Minho) do GIPS da GNR, que estava na Mata de Albergaria, do lado português.

O acidente com a moto ocorreu na estrada OU-312, a dois quilómetros do lado espanhol da antiga fronteira, perto da localidade de Torneiros, na província de Ourense, da região Galiza, numa estrada larga e com um bom piso, paralela ao Monte de Santa Eufémia.

As autoridades sanitárias galegas fizeram avançar um helicóptero e duas ambulâncias, mas a segunda viatura espanhola despistou-se e capotou, provocando ferimentos no seu condutor, o enfermeiro que iria ajudar a socorrer o casal gravemente ferido, levando a que fossem assim acionados meios de socorro portugueses, através do GIPS da Guarda Nacional Republicana.

PUB

Confirmados 435 casos de hepatite A em Portugal desde o início do ano

Portugal tem 435 casos confirmados de hepatite A, num total de 454 notificados, desde 01 de janeiro, de acordo com o balanço mais recente da Direção-Geral de Saúde (DGS), hoje divulgado.

a0fef00a973a9de1cbb3da0b0a13a210.jpg

 

Segundo os dados da DGS, disponíveis no 'site' daquela entidade, dos 454 casos notificados, a grande maioria (88%) diz respeito a homens, e em mais de metade (52%) o contágio deu-se por contacto sexual, tendo 26% "sido adquirida [a doença] por via desconhecida".

A maioria dos casos notificados (74%) ocorreu na região de Lisboa e Vale do Tejo.

Há um mês, Portugal tinha 402 casos confirmados de hepatite A, num total de 425 notificados desde o início deste ano.

A DGS, tendo em conta o surto de hepatite A, reforçou da vacinação antes dos grandes festivais de verão e aconselha a adoção de medidas de prevenção durante estes eventos e, após, a vigilância de sintomas compatíveis com os da hepatite A.

Em maio, a DGS atualizou a norma sobre a hepatite A e os viajantes deixaram de precisar de submeter o pedido de vacinação à Direção-geral da Saúde, bastando ter a prescrição do médico.

Em abril, com o país em pleno surto de hepatite A, os viajantes com destino a países endémicos para a doença só eram elegíveis para vacinação a título excecional e o médico prescritor da vacina tinha de contactar previamente a autoridade de saúde.

Esta medida prendeu-se, na altura, com uma necessidade de controlar o 'stock' de vacinas, de modo a que chegassem aos grupos prioritários, como contactos íntimos ou familiares de infetados e homens que têm sexo com homens de forma desprotegida.

No que respeita a estes grupos prioritários continua a não ser necessária qualquer validação da vacina por parte da DGS, sendo a imunização gratuita, a cargo do Serviço Nacional de Saúde.

Segundo a DGS, desde 03 de abril foram administradas cerca de três mil vacinas, das quais 80% na região de Lisboa e Vale do Tejo, a quase totalidade em contexto de pré-exposição.

Na Unidade Móvel de vacinação (campanha em Lisboa, Bairro Alto e Terreiro do Paço) foram administradas 150 vacinas nos dias 27, 28 e 29 de abril, 164 nos dias 05 e 06 de maio e 130 no dia 24 de junho.

A hepatite A é, geralmente, benigna e a letalidade é inferior 0,6% dos casos. A gravidade da doença aumenta com a idade, a infeção não se torna crónica e dá imunidade para o resto da vida

 

PUB

Estabelecimentos comerciais com novas regras de informação ao consumidor

O Governo definiu novas regras para as obrigações de informação ao consumidor que têm de estar afixadas nos estabelecimentos comerciais que vendem bens ou prestam serviços e acabou com a obrigatoriedade de algumas informações.

naom_59382a54544fe.jpg

 

De acordo com o decreto-lei, hoje publicado em Diário da República e com efeitos desde 01 de julho, deixa de ser obrigatório afixar o dístico que comprova o pagamento da taxa de segurança alimentar, bastando apenas apresentar o comprovativo às autoridades de fiscalização que o pedirem.

 Os comerciantes ficam também desobrigados de divulgar ao público para onde são encaminhados os óleos alimentares que se usam ou produzem nas indústrias e nos cafés, restaurantes, hotéis, hostels, pensões e outros estabelecimentos de hotelaria e restauração (bastando também apresentar o comprovativo às autoridades de fiscalização).

A afixação de informação sobre o tipo de estabelecimento de restauração e bebidas e a sua capacidade máxima e o aviso de que os produtos alimentares não embalados que forem escolhidos e entregues não podem ser devolvidos também deixa de ser obrigatória.

O documento aprova ainda o modelo de contrato de mediação imobiliária com cláusulas gerais.

Até agora os contratos de mediação imobiliária com cláusulas contratuais gerais tinham de ser validados pela Direção-Geral do Consumidor antes de poderem ser utilizados pelas empresas de mediação e, com este decreto-lei, a validação passa a ser feita pelo Instituto dos Mercados Públicos, do Imobiliário e da Construção e prevê-se a publicação no Diário da República de uma portaria com um modelo aprovado de contrato de mediação imobiliária com cláusulas contratuais gerais.

Assim, quando uma empresa de mediação imobiliária usar este modelo aprovado, não precisa de pedir a validação antes de assinar contratos baseados no modelo. Mas tem de enviar ao Instituto dos Mercados Públicos, do Imobiliário e da Construção o contrato que vai usar, para que este fique registado.

As cláusulas contratuais gerais são aquelas que não podem ser negociadas nem alteradas pelo consumidor. São usadas nos contratos que as empresas apresentam ao público e, por isso, são iguais ou quase iguais para todos os clientes. Estes limitam-se a aceitar ou a recusar o contrato como um todo.

Prevê-se a criação de uma plataforma eletrónica que vai emitir os identificadores e os modelos necessários para afixar a informação que a lei obriga a fornecer ao consumidor, como por exemplo o dístico que indica que existe livro de reclamações ou o dístico que indica se é proibido fumar.

Os ginásios vão ainda poder utilizar esta plataforma para emitir o regulamento interno que são obrigados a afixar nas suas instalações. Quando for emitido através da plataforma, o regulamento interno não precisa de ser assinado pelo diretor técnico.

Só é obrigatório referir meios de resolução alternativa de litígios a que se aderiu.

Com este decreto-lei, o Governo pretende simplificar e harmonizar as regras sobre a informação ao consumidor que tem de ser afixada nos estabelecimentos que vendem bens ou prestam serviços, facilitar o acesso dos consumidores à informação e reduzir os custos que as empresas têm relacionados com obrigações legais.

 

PUB

Apelo no Facebook para encontrar jovem desaparecida. PSP atenua alarme

A PSP considera que pormenores do pedido de paradeiro não são preocupantes.

naom_599d4f3cd0784.jpg

 

É um apelo lançado nas redes sociais e que já tem perto de 150 mil partilhas. Nele, dá-se conta do desaparecimento de Raquel Martins, uma jovem de Póvoa de Varzim, que estará em parte incerta desde 19 de agosto, dia em que saiu à noite com as amigas, recebeu uma chamada para ir ter com o namorado e nunca mais foi vista.

O Notícias ao Minuto confirmou junto do comando da PSP do Porto o desaparecimento da jovem, contudo a versão das autoridades não é coincidente com a preocupação gerada por amigas da jovem nas redes sociais.

Segundo a publicação partilhada nas redes sociais, Raquel estaria numa festa de  Noite Branca com a mãe quando atendeu uma chamada telefónica do namorado. Este estaria na companhia de um casal de Viana do Castelo que queria que a namorada conhecesse. Raquel terá ido ter com o namorado e desde então os dois nunca mais foram vistos. A mãe da jovem terá entrado em contacto para o telemóvel da filha por diversas vezes, e atendeu-lhe uma mulher de voz desconhecida que após várias insistências a deixou falar com Raquel.

"Passou o telefone à Raquel que, muito nervosa, e com um discurso atípico não revelou o seu paradeiro. A partir daquele momento os telemóveis deles estão desligados e as contas das redes sociais não têm tido nenhuma atualização", pode ler-se.

A PSP do Porto confirma que foi apresentado um pedido de paradeiro para encontrar a jovem, contudo, tratando-se de uma jovem de 21 anos, considera que a situação não será preocupante. Segundo a autoridade, a jovem terá saído com um grupo de amigos, depreendendo-se que a sua ausência não será contra a sua vontade. Fonte do Comando revela que a mãe já terá conseguido entrar em contacto com as amigas, situação que sustenta a sua teoria.

Apesar disso, garante que foram tomadas as diligências normais para uma situação destas, tendo o desaparecimento sido informado ao Gabinete Nacional de Sirene.

PUB

Risco de exposição muito elevado a radiação ultravioleta hoje em Portugal

Portugal está hoje sujeito a um risco de exposição a radiação ultravioleta (UV) muito elevado com exceção de algumas ilhas do arquipélago dos Açores, de acordo com informação disponibilizada no 'site' do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

 

Nos Açores, apenas a ilha Terceira tem risco muito elevado, estando as restantes ilhas com risco elevado, segundo a informação disponível.

Para as regiões com risco 'muito elevado', o IPMA recomenda o uso de óculos de sol com filtro UV, chapéu, 't-shirt', guarda-sol e protetor solar, além de desaconselhar a exposição das crianças ao sol.

Os índices UV variam entre 1 e 2, em que o UV é 'baixo', 3 a 5 ('moderado'), 6 a 7 ('elevado'), 8 a 10 ('muito elevado') e superior a 11 ('extremo').

O IPMA prevê para hoje, no continente nebulosidade matinal no litoral Norte e Centro, que poderá persistir em alguns locais e descida de temperatura. As temperaturas vão variar entgre os 23º no Porto e os 34º em Évora e Beja.

Para os Açores agurdam-se períodos de céu muito nublado com abertas e aguaceiros fracos. Ponta Delgada vai chegar aos 26º.

 

PUB