Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Mais Atual

Incêndio florestal em frente a São Bento da Porta Aberta

Um incêndio de grande proporção irrompeu ao final da manhã desta segunda-feira numa zona de mato em frente ao Santuário de São Bento da Porta Aberta, na freguesia de Rio Caldo, em Terras de Bouro.

Incêndios.jpg

 

O fogo está a alastrar pela encosta do Monte de Matavacas, perto da localidade de Seara e onde existem muitas casas de habitação permanente.

No local encontram-se várias equipas dos Bombeiros Voluntários de Terras de Bouro - cerca de quatro dezenas de operacionais apoiados por seis viaturas terrestres - e dois meios aéreos.

PUB

Nova fase de candidaturas ao Porta 65 Jovem abre em setembro

Dia 14 arranca uma nova fase do Programa de Arrendamento por Jovens.

img_818x455$2017_08_21_16_42_26_660478.jpg

 

A nova fase de candidaturas ao Porta 65 Jovem abre dia 14 de setembro e prolonga-se até dia 2 de outubro. O apoio ao arrendamento de habitações para residência, oferecendo uma percentagem do valor da renda, é o principal objetivo desta iniciativa. Este programa destina-se a todos os jovens com idades compreendidas entre os 18 e os 35 anos inclusive, ou jovens casais em coabitação com idades entre os 18 e os 30 anos. A candidatura é procedida via eletrónica no Portal da Habitação. Nota-se que a validação da candidatura depende que todos os elementos do agregado familiar tenham a morada da habitação arrendada como morada fiscal.

PUB

Governo impõe auditorias externas às instalações elétricas

O despacho que visa reforçar a segurança das instalações elétricas no âmbito do novo regime de flexibilização das inspeções elétricas e de gás natural, impondo a existência de auditorias externas, é hoje publicado em Diário da República.

Segundo o documento assinado pelo Secretário de Estado da Energia, Jorge Seguro Sanches, cabe à Direção-Geral de Energia e Geologia (DGEG) "promover os atos necessários para a aquisição de serviços de auditoria e verificação técnica", sendo que "o contrato de aquisição de serviços referido no número anterior deve ser precedido de procedimento concorrencial transparente e aberto".

15693976.jpg

 

Este contrato tem que "ser celebrado num prazo que garanta o início da prestação de serviços a partir do dia em que entrar em vigor o novo regime aprovado pelo Decreto-Lei n.º 96/2017, de 10 de agosto", lê-se no despacho, que produz efeito a partir do momento em que foi publicado.

Em 10 de agosto, o Governo, no âmbito do relançamento do Programa SIMPLEX, aprovou um conjunto de medidas com o objetivo de reduzir o tempo e o custo do investimento, eliminando as situações de burocracia injustificada e geradora de consumos de tempo e dinheiro que prejudicam o investimento e os cidadãos, em matéria de instalações elétricas de serviço particular alimentadas pela rede elétrica de serviço público (RESP) em média, alta, ou em baixa tensão, e das instalações com produção própria, de caráter temporário ou itinerante, de segurança ou de socorro.

nça ou de socorro.

PUB